Política

Prefeito de Ji-Paraná tem 30% do salário bloqueado pela Justiça

(Foto: Redes Sociais/Reprodução)

O prefeito de Ji-Paraná (RO), Isaú Fonseca (MDB) terá parte do salário bloqueado. A decisão foi confirmada pelo Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO) nesta quarta-feira (17).

Na determinação consta que o bloqueio será de 30% do salário mediante um processo ajuizado em 2009, onde Isaú foi condenado por danos morais contra uma médica perita.

O juiz, Marcos Alberto Oldakowsky, da 5ª Vara Cível de Ji-Paraná, estabelece que o salário do parlamentar será debitado até a quitação total de R$ 77.247,24.

Procurado pelo G1, o prefeito respondeu que prefere não se pronunciar sobre o caso no momento.

Isaú já havia sido condenado anteriormente por improbidade administrativa quando era vereador. Em 2015 ele teve os direitos políticos suspensos ao “se utilizar do erário do município de Ji-Paraná para promoção pessoal em campanha eleitoral”, segundo o TJ-RO.

Na época ele foi acusado de criar um programa social de pavimentação de ruas visando a sua reeleição. A 1ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça informou que haviam fortes indícios que o acusado, em reunião com moradores, se apresentava aos eleitores como o responsável pela execução das obras, sendo que os insumos, como bloquetes e maquinários, eram custeados pela Prefeitura de Ji-Paraná.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo