Polícia

Polícia Militar apreende caminhonete de Associação Rural transportando madeira ilegal

Caminhonete F-4000 Foto: Divulgação

Neste sábado, 13 de março, uma caminhonete da marca F-4000, de cor vermelha que estava transportando madeira de forma irregular no município de Chupinguaia foi apreendida pela Polícia Militar da cidade. Conforme informações a madeira foi retirada da terra indígena Tubarão Latundê.

De acordo com o boletim de ocorrência, o proprietário do caminhão possui uma propriedade rural que faz divisa com a terra indígena citada, e o local é utilizado como ponto de depósito das madeiras extraídas.

A PM foi acionada através de uma denúncia. Logo, a guarnição se deslocou até a RO 391 e localizou o veículo com a carga de madeira. O veículo pertence à propriedade da ASPROCHU (Associação dos Pequenos Produtores Rurais de Chupinguaia). Havia três pessoas no veículo e a PM ao perguntar sobre a origem da madeira, o condutor disse que foi comprada.

Ele também disse que comprou de uma pessoa desconhecida e que foi depositava em seu sítio. O homem disse ainda que levaria as madeiras para outra propriedade que ele possuía.

Após ser questionado pela PM, o homem afirmou que havia mais madeiras ilegais no seu sítio. No seu lote foi encontrado várias pilhas de madeira de essência e tipos diversos. Após ser feito a cubagem utilizando método geométrico foi totalizado cerca de 3,175 m³ de madeiras serradas.

A equipe deslocou a caminhonete até o pátio do 4° Grupamento de Polícia Militar do estado de Rondônia, localizado no distrito do Guaporé. A madeira foi apreendida e depositada.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo