Política

Jaqueline Cassol busca recursos para melhorias nas BRs 435 e 364

Projetos incluem ponte sobre o Rio Pirarara, travessias urbanas em Cacoal e contorno em Cerejeiras.

A deputada federal Jaqueline Cassol (PP-RO) está buscando soluções para melhorar a trafegabilidade nas estradas de Rondônia. A parlamentar se reuniu com o diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Antônio Leite dos Santos Filho e com o Secretário Nacional do Transporte Terrestre, Guilherme Bianco para propor melhorias nos trechos urbanos da BR 435 e BR-364.

A deputada pediu a liberação de recursos para elaboração de projeto para construção de pontes no Rio Pirarara e travessias urbanas na BR-364 no acesso à Cacoal, e implantação de contorno na BR 435, em Cerejeiras.

“Nosso estado é muito grande e não temos rodovias de interligação. Precisamos de obras estratégicas para melhorar o tráfego e a segurança”, explicou Jaqueline Cassol.

BR-364 CACOAL – “Minha preocupação é reduzir os acidentes que acontecem no acesso a Cacoal”, afirmou a deputada. Para isso ela solicitou a liberação de R$12 milhões, sendo R$ 2 milhões para o projeto executivo da travessia e R$ 10 para a construção três pontes sobre o rio.

Jaqueline Cassol afirmou explicou que Cacoal, além de ser uma cidade polo, possui aproximadamente 85 mil habitantes e o fluxo de veículos e caminhões que atravessam a cidade diariamente vem causando inúmeros acidentes e transtornos para a população.

“Constantemente nos períodos de cheias o rio transborda causando transtornos e isolamento para os moradores de vários bairros da cidade e para quem usa a BR-364 e as marginais. A obra é de suma importância para a população”, disse.

O diretor do DNIT ressaltou que as pontes serão tratadas como prioridade pelo órgão. “Também estudaremos uma solução paliativa para eliminar o ponto crítico de acidentes. Ao longo de 2021 trabalharemos no projeto para início das obras o mais breve possível”, disse.

RETIRAR O TRÂNSITO DA CIDADE – A intenção de implantar um contorno na BR 435 é retirar o fluxo de carretas e caminhões de dentro da cidade de Cerejeiras.

A cidade recebe boa parte do tráfego de caminhões pesados durante o escoamento da safra. O grande volume de veículos que escoam a produção dos municípios de Pimenteiras, Corumbiara, Cabixi e Chupinguaia danifica as ruas e avenidas.

O Secretário Nacional do Transporte Terrestre, Guilherme Bianco, afirmou que o Ministro da Infraestrutura está ciente das dificuldades e que estudarão internamente os projetos para a concretização. “Conhecemos a situação e as necessidades. A deputada Jaqueline Cassol tem nosso compromisso de estudar os casos apresentados”, disse.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo