Ariquemes – Vice-presidente nacional do MDB abona filiações e faz chamamento partidário

Ao abonar novas filiações ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), nesta terça-feira (06), em Ariquemes, o vice-presidente nacional do partido, senador Confúcio Moura, fez um chamamento partidário especial à juventude, simpatizantes e a todos que têm intenção de ocupar um cargo político nas câmaras municipais e federal, Assembleia Legislativa ou no Governo do Estado, para que se filiem ao partido.

“Se você pretende ser um vereador, um deputado federal ou estadual, senador, prefeito ou vice, governador, presidente tem que começar por aqui, com a filiação do partido”, disse, mostrando as fichas abonadas dos novos filiados. Na ocasião, Confúcio Moura aproveitou para lembrar que o MDB é um dos partidos mais antigos do país e tem a maioria dos deputados estaduais e vereadores do estado, e prefeitos de Rondônia e do Brasil.

“Portanto, é um partido sólido. Então, venha se filiar ao nosso partido, quero também assinar sua ficha”, convidou.

Fim dos processos de impeachment

Ao falar sobre a história do MDB, marcadas por conquistas relevantes, o senador fez um contraponto com a pulverização dos partidos brasileiros, que hoje somam 34 legendas, e as medidas que podem findar com processos de impeachment. Na opinião dele, inicialmente é fundamental que haja um enxugamento de partidos e mudanças, especialmente no sistema do presidencialismo comum e simples para formas compartilhadas de Governo.

O MDB está aberto, inclusive para um modelo que migre para o semi-presidencialismo ou parlamentarismo interno. Essa política de sempre falar em impeachment tem que acabar. No presidencialismo é que se fala em impeachment, no parlamentarismo ele não existe, somente há a queda do Primeiro Ministro, quando ele não vai bem”, exemplifica, reforçando neste sentido que, “o MDB deve se modernizar, abrir os braços e formar líderes robustos no Brasil”.

Imprimir

GOSTARÍAMOS DE OUVIR SUA OPINIÃO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui