Projeto da Idaron oferece formação básica aos alunos do Abaitará em Pimenta Bueno

 Governo do Estado de Rondônia

Projeto tem o objetivo de oferecer educação e formação básica em Educação Sanitária com foco na área animal e vegetal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aproximadamente 60 alunos de duas turmas do ensino médio do Centro Técnico Estadual de Educação Rural Abaitará vão participar neste ano do Projeto de Educação Sanitária desenvolvido pela Supervisão Regional de Pimenta Bueno da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron).

Com início no dia 3 de março, o projeto de “Formação Integrada em Sanidade Agrossilvopastoril: Educador Auxiliar da Defesa Animal e Vegetal” contempla, além das aulas em sala, atividades práticas de levantamento e identificação de pragas e doenças, visitas de estudo, curso de boas práticas de vacinação, construção de portfólios individuais para arquivamento de material educativo para fins de consultas posteriores, elaboração e distribuição de material educativo e, ainda, premiação para alunos que tiverem o melhor desempenho durante o projeto.

Este será o quarto ano do projeto, que já atendeu mais de 200 alunos do Abaitará

Os alunos do Instituto Abaitará, que participam deste projeto, estão cursando o 3º ano do ensino médio nas turmas do Curso Técnico em Agropecuária e do Curso Técnico em Agronegócio. “Acreditamos que a educação por meio de informações e conhecimentos práticos são grandes aliados no avanço da agropecuária do nosso Estado. Esse trabalho educativo é de suma importância para a conscientização desses profissionais técnicos que são formados no Abaitará, pois o sucesso da Agropecuária em Rondônia depende da parceria entre produtores e a Agência de Defesa Sanitária”, destaca a coordenadora do projeto Ediran Amaral Dias, responsável também pela elaboração do mesmo.

Durante os quatro anos do projeto, foram atendidos 215 alunos concluintes dos Cursos Técnicos em Agroecologia e Agropecuária do Centro Técnico Estadual de Educação Rural Abaitará. Alunos estes, que residem em municípios de todo o Estado. Todas as aulas, palestras e cursos são ministrados pelos fiscais médicos veterinários e engenheiros agrônomos lotados nas Unidades Locais de Sanidade Animal e Vegetal de Ministro Andreazza, Cacoal, Pimenta Bueno, Espigão do Oeste, Primavera de Rondônia, São Felipe do Oeste e Parecis.

“Os produtores rurais e técnicos, na sua rotina diária de trabalho no campo, ao identificar alguma sintomatologia suspeita em plantas e animais devem comunicar à Idaron que, por sua vez, realizará o trabalho de coleta de amostras para a análise e identificação da praga ou doença. A agilidade nesse processo é fundamental para conter a dispersão das mesmas e evitar maiores prejuízos ao produtor e ao Estado. É nesse sentido a grande importância da Educação Sanitária. Quem conhece mais, contribui mais e melhor”, destaca o supervisor da Regional do Idaron em Pimenta Bueno, Alan Gardel Batista Biazatti.

Projeto envolve aulas em sala, atividades práticas de levantamento e identificação de pragas e doenças, visitas de estudo, entre outras atividades

O projeto Formação Integrada em Sanidade Agrossilvopastoril: Educador Auxiliar da Defesa Animal e Vegetal tem o objetivo de oferecer educação e formação básica em Educação Sanitária com foco na área animal e vegetal.

ÁREA ANIMAL

Defesa Sanitária Animal, Trânsito de Animais, Febre Aftosa, Raiva dos Herbívoros, Encefalopatia Espongiforme Bovina (Doença da Vaca Louca), Sanidade Avícola, Sanidade de Animais Aquáticos, Serviço de Inspeção Estadual, Sanidade de Ovinos e Caprinos, Sanidade Suídea: Peste Suína Clássica, Sanidade Equídea: Mormo e Anemia Infecciosa Equina, Brucelose e Tuberculose.

ÁREA VEGETAL

Defesa Sanitária Vegetal, Trânsito de Vegetais, Pragas e Doenças do Café, Pragas e Doenças dos Citros, Fiscalização de Sementes e  Mudas, Pragas e Doenças da Soja, Pragas e Doenças do Cacau e Cupuaçu, Pragas e Doenças da Banana, Agrotóxicos e Campo Limpo, Cigarrinha das Pastagens.

Fonte
Texto: Giliane Perin
Fotos: Arquivo Idaron
Secom – Governo de Rondônia

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA