Cidades

Vilhena: Com aumento de casos de covid na cidade, servidores da barreira sanitária integrarão outras linhas de frente




A partir desta quarta-feira, 1° de julho, os profissionais de Saúde da barreira sanitária da BR-364 serão remanejados para outras linhas de frente no combate à pandemia dentro do município, como o atendimento a casos suspeitos/confirmados nos postos de Saúde, reforço na barreira sanitária da rodoviária, testagem no polo ao lado da Central de Atendimento à Covid-19, entre outros.

Assim, após 75 dias de trabalho importante na entrada de Vilhena e quase 200 mil pessoas abordadas na barreira, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) recebeu recomendação da CIB (Comissão Intergestora Bipartite) de Rondônia que determinou somente a permanência nas rodovias de barreiras sanitárias feitas pelo Estado. Por isso, na cidade continuará em atividade a barreira sanitária no Posto Fiscal Portal da Amazônia, liderada pela 3ª Gerência Regional de Saúde do Estado.

Realizada pelos servidores dos postos de Saúde, a barreira instalada pelo município na BR-364, saída para Porto Velho, cumpriu sua missão, na avaliação do secretário municipal de Saúde, Afonso Emerick. “As milhares de orientações, as quase mil determinações de quarentena, as escoltas de sintomáticos e os encaminhamentos de suspeitos para unidades de saúde foram vitais no início da pandemia. A cidade, apesar do intenso fluxo de veículos, segurou bem a onda de contaminação, que poderia ter sido pior. Agora iremos ‘sair das muralhas’ e dar atenção para a situação aqui dentro do município, buscando atender a todas as centenas de confirmados e suspeitos que temos”, explica o secretário.

O atendimento em Vilhena, atualmente, inicia nos postos de Saúde. Em resumo, o protocolo prevê que o paciente com sintomas gripais procure, por telefone ou presencialmente, o postinho mais próximo. Lá o médico, em sala separada, poderá receitar remédios, encaminhar para exames, recomendar quarentena, emitir atestado médico ou, até mesmo, solicitar internação do paciente. Os testes, realizados apenas em pacientes com encaminhamento oriundo desta primeira consulta, são coletados no Polo de Testagem Covid-19 ao lado da Central de Atendimento à Covid-19, próximo ao Instituto do Rim.

O coordenador da Atenção Básica, Clair Cunha, lembra que nos fins de semana o posto de saúde responsável pelo atendimento a sintomáticos é o Afonso Mansur, localizado na avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, das 7h às 19h, aos sábados e domingos.

Semcom

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar